Amazonas tem a maior taxa de faltosos do país no primeiro dia do Enem 2022

Quase metade dos participantes inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2022, no Amazonas, faltaram ao primeiro dia de prova, realizado no domingo (13). Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o estado registrou a maior taxa de faltosos do país.

No Amazonas, dos 79.066 inscritos no formato impresso do Exame, 44.932 (43,2%) não compareceram. Na modalidade virtual, a taxa de faltosos foi ainda maior e mais da metade dos candidatos, 1.048 (54,6%), não realizou o primeiro dia de prova.

O percentual de abstenção registrado no estado, neste ano, é ainda maior que o de 2021, quando a quantidade de inscritos que não compareceram ao primeiro dia de provas já foi considerada elevada. No ano passado, a taxa de faltosos na primeira etapa do Enem foi de 40,6% e 46% nas versões impressa e digital, respectivamente.

Nesta fase inicial, o Exame trouxe 90 questões de múltipla escolha de linguagens, ciências humanas, além da redação. A segunda etapa das provas do Exame será aplicada no próximo domingo (20).

O Inep informou que divulgará os gabaritos até o dia 23 deste mês, conforme previsto em edital.

Taxa de abstenção em todo o país

 

No Brasil, mais de 2,4 milhões de estudantes fizeram a primeira etapa do Enem, segundo informou o Inep. O número corresponde a 73,3% dos 3,4 milhões de inscritos nas duas versões da prova — impressa e virtual.

Em 2021, 74% dos inscritos compareceram ao primeiro dia de prova, segundo o Inep. Em 2020, o Enem registrou a maior abstenção de sua história: 51,5% dos inscritos não fizeram a prova.

As notas do Enem podem ser utilizadas em programas que dão acesso ao ensino superior, como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), o Programa Universidade Para Todos (Prouni) e o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), com a participação de diferentes instituições em todo o país.