Botafogo é derrotado nos pênaltis pelo ABC e está eliminado da Copa do Brasil

O fato de o Botafogo disputar a Série B do Campeonato Brasileiro não pode servir como desculpa para todos os jogos de 2021. Ainda mais quando se enfrenta o ABC, que disputa a quarta divisão nacional. Era esperado uma vitória tranquila, mas o Alvinegro conseguiu ser eliminado da Copa do Brasil. Após empate em 1 a 1 no tempo normal, a vaga foi decidida nos pênaltis — com a equipe potiguar levando a melhor ao vencer por 4 a 1.

Mas, antes de tudo, como uma partida relativamente fácil foi parar nos pênaltis? Primeiramente, porque a sequência de erros do Botafogo atrapalhou até mesmo o desenvolvimento de quem poderia ser solução. Matheus Nascimento, de 17 anos, virou atração ao ganhar a vaga na ausência de Rafael Navarro. Mas tamanha desorganização coletiva pouco ajudou o jovem a mostrar serviço em seu 18º jogo como profissional. Aliás, a equipe inteira pouco se ajudou.

Quando Maycon Douglas emendou um belo chute da intermediária e marcou um golaço, o fantasma de eliminações precoces na Copa do Brasil voltou à tona. Poderia ser uma infelicidade se este não fosse o sétimo jogo seguido em que a defesa foi vazada — a última vez que completou 90 minutos sem levar gol foi em 13 de março, no 0 a 0 diante do Bangu.

A reação do Botafogo foi limitada a chutes de fora da área e cruzamentos em excesso. Todos sem levar perigo ao goleiro Welington, do ABC, que não fez uma defesa difícil sequer. Mas a retranca cobrou seu preço quando Gilvan apareceu livre, no último minuto, para cabecear, empatar e levar a disputa para os pênaltis.

Nas cobranças, Cesinha exagerou na paradinha e isolou a cobrança. Pouco depois, Marcinho parou no goleiro Welington. Coube a Janderson classificar o ABC e fazer o Alvinegro perder R$ 1,7 milhão em premiação.

FONTE: EXTRA