Início Interagindo no Carnaval Carnavalesco da Imperatriz visita o Nordeste em pesquisa para o enredo de...

Carnavalesco da Imperatriz visita o Nordeste em pesquisa para o enredo de 2023

Leandro Vieira viajou a Pernambuco com o diretor da agremiação com o objetivo de enriquecer o tema inspirado em cordéis populares

Rio – O carnavalesco Leandro Vieira desembarcou em Recife, no Pernambuco, nesta quinta-feira, para conhecer espaços históricos que inspiram o tema da Imperatriz Leopoldinense para o Carnaval 2023. Acompanhado do diretor executivo da escola, João Felipe Drumond, o artista visitou locais importantes para a construção do enredo “O aperreio do cabra que o excomungado tratou com má-querença e o santíssimo não deu guarida”.
Continua após a publicidade
Durante a expedição, a equipe enviada pela Imperatriz esteve no Centro de Artesanato de Pernambuco, na Secretaria de Turismo e no Museu Cais do Sertão. Além disso, a delegação também foi a Serra Talhada, município conhecido como a terra natal de Lampião, onde visitou a sede da prefeitura e o Museu do Cangaço.
“O objetivo era conhecer de perto a história de Virgulino Ferreira da Silva e enriquecer ainda mais a história que a Imperatriz Leopoldinense contará na avenida”, conta o diretor João Felipe sobre o tema inspirado em cordéis populares como “A chegada de Lampião no inferno”, “O grande debate que teve Lampião com São Pedro” e “A chegada de Lampião no céu”.
E Leandro Vieira explica a ideia por trás do enredo que a Imperatriz levará para a Marquês de Sapucaí em 2023: “O enredo surge como uma vontade de falar de um pedaço do Brasil que vale a pena. O Brasil da cultura popular. Da oralidade. Da tradição da contação de histórias. O Brasil que delira e reinventa realidades, já que o mundo real não basta. O Brasil do cordel. Dos repentes. O enredo surge de um Brasil que a gente alimenta na memória afetiva como uma espécie de Brasil imaginário para suportar o Brasil real”, declara.
ODIA