Com falha de Arão, Fenerbahçe de Jorge Jesus é eliminado da Champions ainda na fase pré

Assim como quando treinava o Benfica, o técnico Jorge Jesus viu sua participação na Liga dos Campeões se encerrar mais cedo do que o esperado. Isso porque o Fenerbahçe foi eliminado do torneio ainda na fase pré, nesta quarta-feira, ao ser derrotado por 2 a 1 pelo Dínamo de Kiev, na Turquia. Agora, o ex-Flamengo disputará a Liga Europa.

O primeiro gol da equipe ucraniana foi marcado por Buyalskyy Vitaly, aos 12 minutos do segundo tempo. Em lance em que outro ex-Fla teve participação: Willian Arão. O volante falhou no lance, não acompanhando a subida do autor do tento que abriu o placar.

 

 

Nessa hora, a torcida do Fenerbahçe começou a entoar gritos provocativos, que exaltavam o presidente da Rússia, Vladimir Putin, levando o clima da guerra com a Ucrânia para a arquibancada. No banco de reservas, atletas do Dínamo chegaram a bater boca com torcedores.

Para dar mais contornos dramáticos à eliminação, o Fenerbahçe teve um jogador expulso (Yuksek) e perdeu um pênalti. A cobrança foi desperdiçada por outro reforço, o colombiano Enner Valencia, que chutou no meio da meta e permitiu a defesa do goleiro Georgiy Bushchan.

Próximo ao fim, os turcos empataram com Szalai, o que levou o jogo para a prorrogação – a primeira partida, em Kiev, também havia terminado com placar igual, 0 a 0. Mas na reta final do tempo extra, quando o confronto se encaminhava para os pênaltis, Karavaev marcou o gol da classificação ucraniana.

 

 

O Dínamo avançou para a terceira fase de qualificação da Champions, fase em que vai enfrentar o Sturm Graz, da Áustria. O Fenerbahçe, por sua vez, vai tentar a sorte na Liga Europa. O time de Jorge Jesus entrará na segunda fase prévia do torneio, a dois mata-matas da fase de grupos. O adversário será o Slovácko, da República Tcheca.

EXTRA