Diniz diz que tirou Nenê em empate entre Vasco e Cruzeiro por “mal-entendido”

Fernando Diniz não queria tirar Nenê, e o meia não pediu para sair. Mas acabou sendo substituído por um mal-entendido, nas palavras do próprio treinador. No empate entre Cruzeiro e Vasco, uma situação inusitada acabou tirando da partida o autor do único gol cruz-maltino, que abriu o placar em São Januário no reencontro com a sua torcida, mas não conseguiu manter o resultado.

– Eu acho que aconteceu um mal-entendido. A informação que eu tinha era de que ele tinha pedido a substituição. Eu tirei porque a informação que chegou era de que ele tinha pedido a substituição. O gol foi muito importante, ele tem muita qualidade e carisma para fazer gol, é um jogador extremamente decisivo.

Após o jogo, na entrevista coletiva, Fernando Diniz confirmou que, na realidade, o jogador tinha o desejo de permanecer em campo, mas foi substituído devido a informação equivocada no momento do jogo. O treinador, contudo, se mostrou irritado quando questionado se poderia informar quem passou a mensagem equivocada.

Fernando Diniz no comando do Vasco em jogo contra o Cruzeiro — Foto: André Durão

Fernando Diniz no comando do Vasco em jogo contra o Cruzeiro — Foto: André Durão

– Não posso e nem faria, eu jamais vou jogar uma pessoa para ‘tubarão’. Isso aqui é querer colocar uma carga em alguém e moer as pessoas, como o futebol é acostumado. Sempre que eu puder, não vou deixar acontecer com ninguém. De mim, você nunca vai ouvir uma coisa desse tipo. Nós perdemos, então se tiver que responsabilizar alguém, que responsabilize o técnico. Eu acho extremamente injusto fazer isso com alguém. Temos que tentar evitar isso para que a gente tenha uma convivência um pouco melhor.

Com o gol marcado neste domingo, Nenê entrou para a lista dos 50 maiores artilheiros da história do Vasco. O camisa 77 está empatado na 50ª posição com Dejayr. Até o momento, ele marcou 45 gols em 134 jogos.

A Voz da Torcida – João Almirante: “A gente não vai ser feliz pelo jeito, né?”

Com o empate, o Vasco soma 33 pontos. Está sete atrás do G-4. O próximo jogo do clube carioca pelo campeonato nacional será diante do Brusque, sexta-feira, às 21h30 (de Brasília).

ge