Início Interagindo no Esporte Flamengo resolve no primeiro tempo e vence o Coritiba no Mané Garrincha

Flamengo resolve no primeiro tempo e vence o Coritiba no Mané Garrincha

Gustavo Henrique e Diego Ribas fizeram os gols da partida

Brasília – Com uma equipe com muitas modificações, o Flamengo voltou a vencer no Brasileirão. Neste sábado, no Mané Garrincha, o Rubro-Negro derrotou o Coritiba por 2 a 0. A vitória dos cariocas foi construída logo no primeiro tempo. Gustavo Henrique e Diego Ribas marcaram na etapa inicial e decidiram para a equipe do Rio de Janeiro. Depois do intervalo, a equipe comandada por Dorival Júnior só administrou o resultado, sem sustos.
Com os três pontos, o Flamengo pulou da nona para a sétima colocação. O Rubro-Negro poderá perder uma posição no domingo, caso o São Paulo vença o Fluminense. Na próxima quarta, o clube carioca enfrenta o Juventude, às 20h30, novamente no Mané Garrincha, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O início de jogo no Mané Garrincha foi com bastante movimentação para o Flamengo. Logo aos 12 minutos, o Rubro-negro abriu o placar com o zagueiro Gustavo Henrique. No lance, Lázaro bateu o escanteio com precisão na cabeça do jogador, que só empurrou para o fundo do gol.

Com o domínio da partida, o Flamengo ampliou o placar aos 21 minutos, em mais uma bola parada. No escanteio, Marinho cobrou pelo lado direito, a bola desviou em Pedro, e o capitão Diego Ribas completou com precisão para fazer o 2 a 0 sobre o Coritiba. Sem chance o Coxa, o Rubro-negro continuou pressionando a defesa adversária com bastante movimentação.

Na reta final do primeiro tempo, o Flamengo tirou o pé e deixou o Coritiba pegar a bola. No entanto, o Coxa permaneceu com muita dificuldade para construir as jogadas e não conseguiu ameaçar o Rubro-negro.

No retorno ao segundo tempo, o Flamengo não mudou a postura e permaneceu pressionando a defesa do Coritiba, que não conseguiu puxar os contra-ataques. Logo no início da etapa final, Marinho desperdiçou a oportunidade fazer o terceiro gol do Rubro-negro. No lance, aos oito minutos, o atacante fez boa jogada pela direita e chutou cruzado para fora.

Continua após a publicidade
A reta final da partida foi administrada pelo time do Flamengo, que sentiu o cansaço e freou as jogadas com bastante posse de bola. O Coritiba, por sua vez, tanto pelo lado esquerdo quanto direito, foi ineficiente e não conseguiu se impor no Mané Garrincha. Apenas aos 42 minutos, em uma jogada individual, Alef Manga partiu pela direita, deixou dois marcadores para trás e finalizou rasteiro na trave direita do goleiro Santos.

Apesar de ter ficado exausto, Marinho permaneceu tentando construir lances perigosos para o Flamengo, mas a defesa da equipe curitibana fechou o bloco defensivo e impediu o terceiro gol do Rubro-negro.

ODIA