Lula liga para Cristina Kirchner e expressa ‘solidariedade contra fascistas’

Cristina Kirchner em manifesto realizado em Buenos Aires — Foto: Reprodução

O ex-presidente Lula (PT) ligou para a vice-presidente da Argentina Cristina Kirchner para expressar a ela “solidariedade contra fascistas”.

O telefonema foi feito na tarde desta sexta-feira (2), informou ao blog a assessoria do ex-presidente.

Cristina foi alvo de um atentado a arma na noite de quinta-feira (2) em Buenos Aires. Um homem atirou com um revólver calibre 38, carregado com cinco balas, contra a cabeça de Cristina. O revólver não funcionou, e a vice-presidente saiu ilesa.

Segundo o ministro da Segurança da Argentina, Aníbal Fernández, o autor é Fernando Andrés Sabag Montiel, um brasileiro de 35 anos. Ele foi detido.

“Eu acho que o bom-senso indica que a gente tenha que ter isso como um alerta. O bom-senso indica que precisamos ficar alerta com o que pode acontecer no Brasil, porque nós temos visto todo santo dia na imprensa, nós temos lido, visto na televisão, uma insinuação. E quem faz insinuação pode cumprir aquilo que está prometendo”, disse Lula.

G1