Michelle Mibow, destaque do carnaval e musa do ‘Caldeirão’, é achada morta em casa; marido bombeiro tentou salvá-la

Michelle Mibow foi rainha de bateria da Unidos dos Morros e atualmente desfilava como madrinha pela escola — Foto: Arquivo pessoal

Michelle Mibow foi rainha de bateria da Unidos dos Morros e atualmente desfilava como madrinha pela escola — Foto: Arquivo pessoal

Um dos grandes nomes do carnaval paulista, a passista Michelle da Costa Chaga, conhecida como Michelle Mibow, foi encontrada morta, na noite da última segunda-feira (7), em Santos, no litoral de São Paulo. Segundo familiares, a suspeita é que Mibow, de 40 anos, tenha sido vítima de um infarto.

Segundo apurado pelo g1 na manhã desta terça-feira (8), o marido dela, que é bombeiro, chegou na casa deles e encontrou Michelle caída no chão. Ele ainda tentou reanimá-la, mas a tentativa não teve êxito, e a passista acabou morrendo.

Michelle era bailarina e coreógrafa. Durante sua carreira no Carnaval Santista, foi rainha da bateria da Escola de Samba União Imperial e da Unidos dos Morros. Atualmente, era a madrinha da bateria Chapa Quente. A passista ainda foi coroada como Rainha do carnaval santista 2007 e Rainha do carnaval de São Vicente, em 2017.

Na capital paulista, Michelle também foi destaque do samba. Ela recebeu o título de Princesa da Escola de Samba Vila Maria e foi Musa da Águia de Ouro, duas das mais tradicionais agremiações do carnaval de São Paulo.

Um dos pontos altos da carreira da passista foi em 2013, quando ela chegou a ser finalista do Musa do “Caldeirão do Huck”, da Globo. Em 2019, ela recebeu o prêmio ‘Estandarte Santista’, com cerca de 252.592 votos. O prêmio tem o apoio da TV Tribuna, afiliada da TV Globo e do g1 Santos e tem a finalidade de valorizar ainda mais os destaques do carnaval de Santos.

Homenagens

 

Destaque do carnaval paulista morre de infarto aos 40 anos — Foto: Arquivo Pessoal

Destaque do carnaval paulista morre de infarto aos 40 anos — Foto: Arquivo Pessoal

Nas redes sociais a passista recebeu diversas homenagens durante a madrugada desta terça-feira (8). A Escola Unidos dos Morros agradeceu a madrinha da bateria pelo amor a escola.

“Nossos sinceros sentimentos à família e amigos. Michele, obrigado por sempre representar maravilhosamente o nosso Pavilhão seja como rainha, madrinha, coreógrafa, ateliê, barracão e em diversos segmentos da nossa agremiação. Você realmente aprendeu a amar a Unidos dos Morros como a comunidade que te ama.”

O presidente da União Imperial, Duilio de Paula, disse que Michelle teve uma linda passagem pela verde e rosa. “É com imenso pesar recebemos essa notícia. Michelle começou ainda jovem na União Imperial. Deixará uma lacuna impreenchível. Estamos serenos nesse momento tão difícil”, disse ele.

Michelle foi destacada também nas homenagens da Liga das Escolas de Samba de Santos pelo presidente Fábio Przygoda. “Foi com tristeza que recebemos a notícia da passagem da sambista de trajetória marcante como passista, rainha de bateria, coreógrafa e Rainha do Carnaval em nossa região. Seu talento, dedicação e amor ao samba certamente inspiram novas gerações”, finaliza.