Mulher de 71 anos é resgatada após passar quatro dias em mata no Ceará

Uma idosa de 71 anos foi encontrada na terça-feira após passar quatro dias desaparecida em uma mata no Ceará. O caso ocorreu no Distrito de Oitizeiro, na cidade de Reriutaba, a 333 quilômetros de Fortaleza.

‘Constrangimento ilegal’: Justiça Federal determina ‘trancamento imediato’ de inquérito contra líder indígena Sônia Guajajara

Segundo o Corpo de Bombeiros, os parentes notaram a ausência da mulher no sábado (1) e as buscas começaram no dia seguinte. Ela só foi encontrada após a chegada de reforços e o auxílio da Companhia de Busca e Resgate com Cães.

A idosa foi encontrada com muitas marcas de picada de insetos pelo corpos, mas estava consciente e andando normalmente. Conforme a corporação, ela informou que saiu para tomar banho no açude e não encontrou o caminho de casa na volta. De acordo com familiares, a mulher faz tratamento com medicamentos psiquiátricos.

Santa Catarina: Defesa pede exame de sanidade mental para autor de atentado

Em março, um caso parecido mobilizou os bombeiros do Ceará. Após sete dias desaparecida, uma idosa identificada como Rita de Cássia, de 75 anos, foi resgatada em uma mata no município de Alcântaras. Durante o tempo que ficou perdida no local, ela disse ter bebido água da chuva e comido capim para sobreviver. A idosa sofria de depressão e tinha dificuldades de locomoção.