Operação contra feminicídios prende cinco pessoas em Manaus

Em Manaus, 20 mandados de prisão devem ser cumpridos, em relação aos crimes contra mulheres, ao total. Suspeitos de homicídios também são investigados

Cinco pessoas foram presas em Manaus durante a Operação Cronos, da Polícia Civil, que tem como objetivo o combate aos homicídios e feminicídios (tentados e consumados) em todo Brasil, na manhã de sexta-feira (24).

De acordo com o delegado-geral da Polícia Civil, Mariolino Brito, a operação aconteceu em todos os Estados do País. Em Manaus, 20 mandados de prisão devem ser cumpridos, em relação aos crimes contra mulheres, ao total.

“Com esta operação, queremos dizer que estamos de olho naquelas pessoas que maltratam mulheres, de qualquer forma. Por isto, eles estão sendo recolhidos. Ainda devemos ter outra operação com este intuito, porque é incabível que estes crimes aconteçam”, disse o delegado.

Segundo a delegada Débora Mafra, da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (Deccm), entre os presos, um deles foi preso pelos crimes de estupro, ameaça e injúria, além de descumprimento de média protética contra a ex-companheira.

“Toda a vez que ele a encontrava, ele a ameaçava e sequestrava. Mediante de facas, barras de ferro. Ele a levava para alguns locais e a estuprava, em diversas situações”, explicou a delegada.

Outras prisões

Durante o cumprimento de mandados de prisão pelos crimes, outras 10 pessoas também foram presas com mandados expedidos por crimes distintos, além de um adolescente apreendido.

Até o fim da manhã de sexta-feira (24), 15 pessoas haviam sido presas e um adolescente apreendido, durante a operação. Entre os presos, cinco cometeram crimes contra mulheres. Outras dez pessoas e o adolescente foram encontrados com mandados em aberto, por crimes distintos

Os presos devem responder pelos crimes contra a mulher, aos quais eles cometeram. Após os procedimentos cabíveis na delegacia, eles devem ser encaminhados para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM).

Fonte: G1