Palmeiras bate Juventude e garante vantagem na liderança do Brasileirão

Verdão venceu time gaúcho por 2 a 1 na noite deste sábado, no Allianz Parque, encerrou sequência de empates e foi a 54 pontos

Palmeiras bate Juventude e garante vantagem na liderança do Brasileirão

Palmeiras venceu o Juventude por 2 a 1, na noite deste sábado, no Allianz Parque, e encerrou uma série de três empates seguidos pelo Brasileirão Série A, garantindo sua vantagem de no mínimo sete pontos na liderança por mais uma rodada.

O Verdão foi a 54 pontos, oito a mais que o Internacional, que mais cedo venceu o Cuiabá por 1 a 0, e nove acima do Fluminense, que derrotou o Fortaleza por 2 a 1. O Flamengo, que tem 44 pontos, joga apenas neste domingo, às 19h, contra o Goiás, no jogo que encerra a 26ª rodada, e precisa vencer para voltar a ficar a sete pontos de distância do líder.

O Juventude aumentou a sequência de jogos sem vitória para sete partidas – não vence desde 24 de julho, quando fez 1 a 0 no Ceará – e se afundou mais um pouco na lanterna, com apenas 19 pontos.

Jogo movimentado entre alviverdes

A diferença de pontuação, porém, não significa que o jogo foi fácil. O primeiro tempo foi um jogo de ataque contra defesa, no qual o Palmeiras teve a bola a maior parte do tempo e criou várias chances, mas parou na falta de pontaria de seus atacantes – Dudu e Zé Rafael finalizaram para fora.

Os palmeirenses ainda se irritaram muito com a cera dos jogadores do Juventude, que várias vezes caíram pedindo atendimento, na clara intenção de levar o 0 a 0 e um pontinho para Caixas do Sul.

Mas a ideia virou pó aos 27 segundos do segundo tempo, quando o Palmeiras conseguiu enfim abrir o placar: Rony recebeu lançamento de Marcos Rocha pela direita e bateu na saída do goleiro.

Cenário inalterado e gols a jato

O Verdão seguiu em cima, criando e perdendo boas chances com o próprio Rony e com Dudu. Então, em seu primeiro ataque bem organizado do jogo, o Juventude empatou, aos 17 minutos: Pitta puxou contra-ataque, cruzou e Guilherme Parede marcou, aproveitando uma bobeira da defesa palmeirense.

O empate, porém, não durou muito: aos 21 minutos, Gustavo Scarpa cobrou escanteio da direita, Zé Rafael desviou e a bola ainda resvalou em Murilo antes de entrar. O árbitro, inicialmente, apontou o gol para o camisa 8.

O cenário não se alterou até o fim da partida: o Palmeiras continuou tendo a bola a maior parte do tempo e perdendo gols, enquanto o Juventude levou algum perigo em contra-ataques, mas sem obrigar Weverton a nenhum milagre. No fim, o resultado normal aconteceu, mas foi mais difícil do que se esperava.

Próximos jogos de Palmeiras e Juventude

Palmeiras volta a jogar em casa no próximo domingo, dia 18: enfrenta o Santos no Allianz Parque, às 18h30. No mesmo dia, mas um pouco mais cedo, às 18h, recebe o Fortaleza, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

 

TORCEDORES.COM