Para que filhos tenham uma vida ‘mais próxima possível do normal’, príncipe William e família se mudam para um castelo a 35 km de Londres

príncipe William e sua esposa Kate vão se mudar do centro de Londres para os arredores do castelo de Windsor, onde mora a rainha Elizabeth II. A decisão foi tomada por causa dos filhos do casal, anunciou nesta segunda-feira(22) sua assessoria.

Os duques de Cambridge se mudarão para Adelaide Cottage, uma casa que fica cerca de 35 km a oeste da capital. Nesta residência, a família ficará perto da soberana de 96 anos, indicou uma fonte próxima ao casal.

Segundo essa pessoa próxima da família, a decisão foi tomada pelos pais para que seus filhos tenham uma vida ‘mais próxima possível do normal. Ainda de acordo com essa pessoa, os pais desejariam que George, Charlotte e Louis tenham um pouco mais de liberdade têm vivendo no centro de Londres.

George, de 9 anos, é o terceiro na ordem de sucessão ao trono, depois de seu avô Charles, de 73 anos, e de seu pai William.

Ele, sua irmã Charlotte (7 anos) e seu irmão Louis (4) vão estudar em uma escola particular em Lambrook, a 20 minutos de carro de Windsor.

O aluguel de Adelaide Cottage e a mudança serão financiados com recursos pessoais do casal, assim como as despesas com a educação dos três filhos, estimadas em mais de 50 mil libras (mais de 305 mil reais) por ano.

Os duques de Cambridge, ambos de 40 anos, vão manter sua base em Kensington, como local de trabalho e de representação, como é o palácio de Buckingham para a rainha.

O anúncio oficial da mudança, após meses de rumores, coincide com o 25º aniversário da morte da princesa Diana, mãe de William, em um acidente de carro em Paris.

G1