Portela fashion! Estilista Jean Paul Gaultier vai desenhar fantasia com Rosa Magalhães

Por Redação

A Portela fechou uma parceria inédita para o ano que vem. A azul e branco de Madureira contará com a assinatura do renomado Jean Paul Gaultier na criação do figurino de uma das alas da escola. Neste caso, o estilista francês, famoso também pelos perfumes, atuará junto com a carnavalesca Rosa Magalhães. Ele ainda será destaque de um carro alegórico da azul e branco de Madureira.

Gaultier esteve nesta quinta-feira, 25, no barracão da Portela, na Cidade do Samba, e teve a primeira reunião de trabalho com Rosa. O estilista foi recepcionado pelo presidente Luis Carlos Magalhães e conferiu uma apresentação especial com bateria, passistas, além de conferir de perto a performance da rainha Bianca Monteiro e do casal de mestre-sala e porta-bandeira da agremiação, Marlon Lamar e Lucinha Nobre.

– Estamos imensamente felizes de poder fazer esta parceria com o grande artista Jean Paul Gaultier. A Portela se orgulha de receber uma personalidade tão importante no cenário internacional. E o mais importante é que ele não apenas desfilará conosco, mas criará, a quatro mãos com Rosa Magalhães, a fantasia de uma ala, algo inédito no Carnaval. Temos certeza que será uma das novidades mais esperadas pelo público da Sapucaí e pelos telespectadores. Uma parceria cultural, sobretudo, mas que aponta para a tão buscada internacionalização da marca da escola – disse Luis Carlos Magalhães.

Em 2019, a Portela entrará no Sambódromo com o enredo “Na Madureira moderníssima, hei sempre de ouvir cantar uma sabiá”, sendo a terceira escola a desfilar na Segunda-Feira de Carnaval. O tema vai relembrar a trajetória da cantora Clara Nunes.

O estilista

Jean Paul (ao centro) ainda desfilará em alegoria da azul e branco. Na foto, ele posa ao lado de Rosa Magalhães e Lucinha Nobre – Foto: Ricardo Lima / Experiência Única

Jean Paul Gaultier é um dos principais nomes do mundo da moda, tendo atuado como assistente de Pierre Cardin. Em 1976, com apenas 24 anos, lançou a própria marca. Apelidado de “Enfant Terrible” (criança terrível), Jean Paul já fez trajes para Madonna, na década de 90, e promoveu o uso de saias, especialmente, para os homens.

Gaultier causou grande impacto ainda nos desfiles ao usar modelos pouco convencionais, como homens idosos, mulheres gordas, além de pessoas tatuadas e com piercings.

*Foto de capa: Ricardo Lima / Experiência Única

Fonte: Sambarazzo