Prefeito David Almeida anuncia início da campanha de Vacinação Antirrábica Animal

O prefeito de Manaus, David Almeida, deu o pontapé inicial na campanha de Vacinação Antirrábica Animal de 2022. A ação, coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), teve início nesta sexta-feira, 23/9, e acontecerá pelos próximos 45 dias com a meta de imunizar quase 250 mil animais por toda a capital amazonense que representam 80% da população estimada de cães e 100% da população de gatos, como recomendado pelo Ministério da Saúde para o controle e prevenção da doença.

“Estamos iniciando hoje uma ação para a vacinação de cães e gatos da cidade de Manaus. Com essa campanha, o nosso desejo é que possamos avançar e deixar a nossa cidade completamente protegida na questão da vacina antirrábica. A nossa Secretaria de Saúde já é conhecida por todos. Ela tem os melhores índices a nível nacional entre as capitais e região e de metrópoles. Agora, queremos avançar na questão do controle de zoonoses. Essa é uma meta da nossa prefeitura e nós vamos buscá-la e certamente vamos alcançá-la, porque conheço a equipe que temos”, enfatizou o prefeito.

Serão cerca de 300 vacinadores que irão atuar durante toda a campanha. Todos os profissionais passaram por treinamentos no Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) Doutor Carlos Durand, localizado na avenida Brasil, no bairro Compensa, zona Oeste.

As equipes de vacinadores vão percorrer as ruas dos bairros, indo aos domicílios para imunizar cães e gatos. O trabalho vai ocorrer simultaneamente em bairros das quatro zonas urbanas de Manaus, de segunda-feira a sábado, das 7h30 às 13h30. Podem ser vacinados animais com pelo menos três meses de idade e que apresentem boas condições de saúde.

Para o sucesso da campanha, o prefeito de Manaus fez questão de pedir a colaboração da população manauara, principalmente para que recebam bem os vacinadores, que estarão identificados, e garantam a segurança do profissional ao adentrarem as residências.

“Por meio dessa campanha, o morador que vai ser visitado pelos nossos vacinadores. Peço que os recebam com atenção, dando a eles também a proteção necessária, uma vez que existem muitos cães e gatos que não são tão domesticados. Assim, vamos precisar da ajuda da população”, destacou Almeida.

Além da vacinação em domicílio, durante a campanha, serão  disponibilizados três postos fixos, funcionando de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, e aos sábados, das 7h às 13h, sem precisar de agendamento prévio. Os locais funcionarão na sede do CCZ; na Unidade Móvel 1, instalada no estacionamento do Centro Universitário Fametro Grande Circular, na avenida Autaz Mirim, Cidade Nova; e na Unidade Móvel 2, que está no Centro de Convivência da Família Padre Pedro Vignólia, rua Tupinambá, Cidade Nova.

Informações

A raiva é uma zoonose causada por um vírus que ataca o sistema nervoso central, transmitida por mamíferos. Pode ser transmitida dos animais para o ser humano, por meio de mordedura, arranhadura ou lambedura, quando ocorre o contato com a saliva de um animal infectado. Cães e gatos, animais silvestres, em especial morcegos e macacos, são os principais transmissores.

Para mais informações, a Semsa disponibiliza o Disque Saúde, no 0800 280 8 280, atendendo de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h, e das 13h às 17h, e a população também pode entrar em contato via WhatsApp ou e-mails do CCZ (Administração – 98842-8359; Núcleo de Vigilância de Zoonoses – 98842–8508 / [email protected]; Núcleo de Controle Populacional Animal – 98842-8540 / [email protected]; ou pelo e-mail [email protected]).

Texto – Thiago Fernando / Semcom e Eurivânia Galúcio / Semsa

Fotos – Dhyeizo Lemos e João Viana / Semcom