Rua no Centro de Manaus é liberada para tráfego de veículos após início da vazante do Rio Negro

Após o início da vazante do Rio Negro, a rua Barão de São Domingos, no Centro de Manaus, foi liberada para o tráfego de veículos, nesta sexta-feira (15). A região passou por ação de limpeza desde a tarde de quinta-feira (14).

Antes da via ser liberada, técnicos da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) inspecionaram a estrutura da via.

A rua é um dos principais acessos de escoamento da produção agrícola que chega às feiras da Banana e da Manaus Moderna. A via foi interditada em maio, quando a cota do Rio Negro atingiu 29,44 metros.

Agentes fazem mutirão de limpeza na rua dos Barés. — Foto: Divulgação/Semulsp.

Desde então, os pedestres utilizavam pontes de madeiras provisórias para trafegar na via. Atualmente, o nível do Rio Negro está em 29,26 metros.

As alças inferiores do Parque Municipal dos Bilhares, na avenida Constantino Nery, bairro Chapada, zona Centro-Sul, também estavam interditada por conta da cheia e foram liberadas para o tráfego na quarta (15).

Por outro lado, a avenida dos Barés, no Centro de Manaus, segue interditada.

Ação de limpeza

 

Após a 1ª edição do Jornal do Amazonas, da Rede Amazônica, exibir denúncias de comerciantes e clientes sobre o mau cheiro e sujeira nas rua dos Barés e Barão de São Domingos, cerca de 100 agentes de limpeza realizaram mutirão para recolher resíduos da região, na quinta-feira (14).

Segundo a Secretaria Municipal de Limpeza Pública (Semulsp), a ação faz parte da operação cheia deste ano, que além de limpar as áreas atingidas pelo rio, busca diminuir a proliferação de doenças transmitidas pelo acúmulo de água parada.

G1AM