Seca mantém oito municípios em situação de emergência no Amazonas

O número de municípios em situação de emergência por conta da seca no Amazonas se mantém em oito, segundo o relatório de estiagem 2022 divulgado pela Defesa Civil estadual, nesta quarta-feira (9).

De maneira geral, o acompanhamento, que é feito diariamente, tem três classificações de gravidade: a de atenção, alerta e emergência – quando a situação é mais crítica.

De acordo com o relatório, 14 municípios estão em situação de atenção. Outras 5 cidades estão em estado de alerta, além dos municípios de Amaturá, Benjamin Constant, Japurá, Tefé, Uarini, Maraã, Alvarães e Coari, que estão em situação de emergência.

Municípios em Situação de Atenção: 43

  • Calha do Baixo Amazonas: Urucará, Nhamundá, São Sebastião do Uatumã, Parintins, Barreirinha, Maués, Boa Vista do Ramos;
  • Calha do Rio Negro: Manaus, São Gabriel da Cachoeira, Santa Isabel do Rio Negro;
  • Calha do Alto Solimões: Atalaia do Norte, Tabatinga, São Paulo de Olivença, Santo Antônio do Içá, Tonantins;
  • Calha do Madeira: Apuí, Manicoré, Novo Aripuanã, Borba;
  • Calha do Purus: Boca do Acre, Pauini, Lábrea;
  • Calha do Juruá: Guajará, Ipixuna, Envira, Itamarati, Eirunepé, Carauari, Juruá;
  • Calha do Médio Solimões: Jutaí;
  • Calha do Baixo Solimões: Codajás, Anori, Anamã, Caapiranga, Manacapuru, Iranduba, Manaquiri, Careiro Castanho;
  • Calha do Médio Amazonas: Itacoatiara, Silves, Autazes, Urucurituba, Itapiranga;

 

Municípios em Situação de Alerta: 6

 

  • Calha do Purus: Canutama, Tapauá, Beruri;
  • Calha do Madeira: Nova Olinda do Norte;
  • Calha do Baixo Solimões: Careiro da Várzea;

 

Municípios em Situação de Emergência: 8

  • Calha do Alto Solimões: Amaturá, Benjamin Constant;
  • Calha do Médio Solimões: Japurá, Tefé, Uarini, Maraã, Alvarães, Coari;

G1AM