Sobe para 98 número de casos suspeitos de sarampo em Manaus

Subiu para 98 o número de casos suspeitos de sarampo somente em Manaus. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (3) pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). Segundo a Fundação de Vigilância em Saúde (FVS), o aumento já era esperado.

De todos os casos notificados, quatro foram confirmados e, até o momento, apenas um foi descartado. A Zona Norte continua liderando o número de casos suspeitos, com 56, seguida pela Zona Sul, com 19 e Zona Leste, com 13.

O diretor-presidente da FVS, Bernardino Albuquerque, diz que o aumento no número de casos suspeitos já era esperado devido o tipo do vírus do sarampo.

“Isto ocorre devido à forma de transmissão. O vírus do sarampo se transmite como o da gripe, muito facilmente. Seis dias antes de aparecem as manchas no corpo de um paciente com a doença, que é quando normalmente buscam atendimento em uma unidade de saúde, esta pessoa já está transmitindo o vírus. Por isso, a única arma que temos é a vacinação”, explicou.

O diretor ressaltou que o risco maior de contaminação está entre as crianças. Segundo o boletim divulgado pela Semsa, cerca de 42,72% dos casos suspeitos são de crianças com até onze meses de vida. Em seguida estão as crianças de um a quatro anos, com 27,18% dos casos notificados.

“Em Manaus, devido ao surto, adiantamos para seis meses a idade vacinal, que iniciava somente aos 12 meses. Então, é importante que os pais e responsáveis levem estas crianças aos postos e garantam a vacinação”, disse Albuquerque.

Fonte: G1