Suspeito de envolvimento na morte de casal executado dentro de carro é preso em Manaus

Um homem suspeito de envolvimento na morte do casal João Rodrigo da Cunha e Osmarina da Rosa Costa, foi preso, em Manaus. As vítimas foram assassinadas, na quarta-feira (16), dentro de um carro foi preso um dia após o duplo homicídio.

De acordo com a polícia, após denúncia, Eduardo Feitosa de Souza, conhecido como “Pato Roco”, foi preso na Avenida Alfazema, Jorge Teixeira, mesmo bairro onde o crime aconteceu.

O homem é suspeito de ter disparado contra o casal.

Segundo o subtenente Muller da Polícia Militar, Eduardo Feitosa de Souza chegou a reagir à abordagem e fugiu, mas acabou preso.

“Informava na denúncia que ele havia participado do duplo homicídio, mas, até então, nada tinha sido confirmado ainda. A polícia foi até ele, entrou em confronto e, na fuga, ele conseguiu ser abordado. Em seu poder foi encontrado um revólver”, afirmou o subtenente.

 

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) investiga a participação de outras pessoas nos assassinatos.

O crime

 

O duplo homicídio aconteceu na Rua das Camélias, bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus, na tarde de quarta-feira. Na ocasião, uma kombi branca, com vários ocupantes, se aproximou do veículo onde o casal estava.

Os suspeitos atiraram várias vezes contra as vítimas e fugiram.

Após ser alvejado, Rodrigo, que estava conduzindo o carro, perdeu os sentidos e o veículo colidiu contra um outro carro.

A kombi utilizada pelos criminosos foi encontrada horas depois pela polícia, no Cidade de Deus, bairro que fica próximo ao Jorge Teixeira. A Delegacia Especializada de Homicídios e Sequestros (DEHS) levou o veículo para a unidade policial.

Segundo a perícia, a mulher levou quatro tiros e o homem, um, todos na cabeça.

G1AM